June 23, 2020 / 4:17 PM / 23 days ago

MERCADOS GLOBAIS-Wall Street e yields de longo prazo sobem com dados positivos e garantia de acordo comercial

NOVA YORK, 23 Jun (Reuters) - Wall Street seguia as ações europeias e asiáticas em alta nesta terça-feira e os rendimentos de longo prazo dos Treasuries ganhavam terreno depois que garantias quanto ao acordo comercial e dados econômicos positivos dos Estados Unidos e da Europa alimentavam a perspectiva de uma rápida recuperação econômica.

O Nasdaq, com forte peso em papéis de tecnologia, estava a caminho de registrar sua segunda máxima recorde consecutiva.

Os dados econômicos forneceram uma surpresa favorável, com o Índice de Gerentes de Compras (PMI) da IHS Markit mostrando que a contração do setor empresarial dos EUA perdeu força em junho.

Um relatório separado do Departamento de Comércio dos EUA mostrou que as vendas de novas moradias aumentaram 16,6% em maio, muito melhor do que o consenso de 2,9%.

Na segunda-feira, o presidente Donald Trump publicou no Twitter que "o Acordo Comercial com a China está totalmente intacto", acalmando os mercados depois que o assessor da Casa Branca Peter Navarro provocou confusão ao classificar o acordo como "terminado", em parte devido a ressentimentos pelo surto de coronavírus.

"A confirmação da Casa Branca de que o acordo comercial da China continua em vigor deu muita confiança ao mercado", disse Tim Ghriskey, estrategista-chefe de investimentos do Inverness Counsel, em Nova York. "Os PMIs no exterior foram muito fortes e amplos. Há muita demanda reprimida, muito dinheiro e muito equivalente em dinheiro à procura de uma moradia."

Às 13:11 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,89%, a 26.256 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,875601%, a 3.145 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 1,21%, a 10.178 pontos.

Os dados PMI da IHS Markit para a zona do euro também superaram as projeções dos economistas, saindo do território de contração e alimentando esperanças de uma recuperação rápida em forma de V.

O índice pan-europeu STOXX 600 subia 0,83% e o índice MSCI de ações globais ganhava 0,91%.

Os dados econômicos positivos e a afirmação sobre o acordo comercial entre EUA e China impulsionavam os rendimentos de longo prazo dos Treasuries, enquanto o spread entre os rendimentos de 2 e 10 anos, considerado um barômetro das expectativas econômicas, alcançava 53 pontos-base.

O índice do dólar caía 0,64%, com o euro avançando 0,64%, para 1,133 dólar.

O iene japonês subia 0,66% contra o dólar, a 106,19 ienes por dólar, enquanto a libra era negociada a 1,2507 dólar, subindo 0,37%.

Os preços do petróleo ganhavam terreno com a perspectiva de reabertura de economias provocando um aumento na demanda.

O petróleo dos EUA subia 0,17%, para 40,80 dólares por barril, e o Brent era negociado a 43,45 dólares por barril, avançando 0,86%.

Os preços do ouro subiam, com preocupações persistentes com o recente aumento nos casos Covid-19 ajudando a manter a demanda por ativos de refúgios elevada.

O ouro à vista subia 0,6% a 1.765,43 dólares a onça.

(Reportagem adicional de Marc Jones)

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below